CEASA Mato Grosso

Instituto Nacional do Câncer se posiciona a favor da redução na utilização de produtos agrotóxicos.

10/04/2015
AYRTON LONGO
0 COMENTÁRIOS

 

  Nesta semana, o Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) recomendou a “redução progressiva e sustentada” da utilização de agrotóxicos nas plantações. Segundo o órgão do Ministério da Saúde, existem evidências de que a exposição aos agrotóxicos utilizados nas lavouras estão ligados a casos de câncer, sendo o Brasil, o maior consumidor desses materiais químicos no mundo.

 

  Segundo o Instituto , o objetivo deste documento é “demarcar o posicionamento do INCA contra as atuais práticas de uso de agrotóxicos no Brasil e ressaltar seus riscos à saúde, em especial nas causas do câncer. Dessa forma, espera-se fortalecer iniciativas de regulação e controle destas substâncias, além de incentivar alternativas agroecológicas aqui apontadas como solução ao modelo agrícola dominante.”

 

  Neste mesmo documento aponta que no Brasil, entre 2001 e 2008, a venda de agrotóxicos foi de US$ 2 bilhões para US$ 7 bilhões, sendo que em 2011 saltou para US$ 8,5 bilhões, dados do SINDAG (Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para defesa agrícola). Com esse consumo exorbitante, o Brasil alcançou no ano de 2009 a posição de maior consumidor de produtos agrotóxicos no mundo.

 

  Para acessar o conteúdo completo do documento, basta clicar diretamente no link abaixo:

  http://www1.inca.gov.br/inca/Arquivos/comunicacao/posicionamento_do_inca_sobre_os_agrotoxicos_06_abr_15.pdf

  

 



Comentários

Novo Comentário

Nome

E-mail

Mensagem

O valor da soma 7 + 4 é: